AVISO DO SEESE
FNE, Seese, MEC e Cofen debatem no Senado o ensino à distância na Enfermagem

FNE, Seese, MEC e Cofen debatem no Senado o ensino à distância na Enfermagem

Durante audiência realizada hoje, 01 de junho, na comissão de educação do Senado Federal, em Brasília, a presidente em exercício da Federação Nacional dos Enfermeiros (FNE) e presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Sergipe (SEESE), Shirley Morales acompanhada do assessor jurídico da FNE, André Caetano, fizeram esclarecimentos ratificando o posicionamento da Federação que é contrária a graduação na modalidade totalmente em Educação à Distância do curso de Enfermagem.
Porém, Shirley Morales enfatiza a importância do Ensino a Distância. “A educação a distância é importante se for usada como ferramenta de complemento em modalidades de cursos presenciais”, disse a presidente em exercício da FNE
A audiência foi articulada pelo senador Paulo Chaves. Participaram desse debate o Ministério da Educação (MEC), Conselho Nacional de Educação, FNE, COFEN, CNTS, CNS e representantes das instituições de ensino e do movimento estudantil. Na ocasião, a Federação se colocou à disposição para fazer parte das próximas reuniões sobre essa temática para a reformulação das diretrizes curriculares nacionais no Curso de graduação em Enfermagem.

Clique aqui e confira o posicionamento da FNE sobre a oferta dos cursos de graduação em Enfermagem na modalidade a distância