AVISO DO SEESE
Direção do Santa Isabel afirma que não haverá aumento na carga horária

Direção do Santa Isabel afirma que não haverá aumento na carga horária

Em reunião extraordinária realizada entre o Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Sergipe (SEESE) e a direção do Hospital e Maternidade Santa Isabel ficou oficializado que não haverá ampliação na carga horária de trabalho dos profissionais da saúde, conforme foi comunicado neste mês de novembro. De acordo com os gestores da unidade, o que houve foi um ‘grande mal entendido’, já que a medida tratava-se de ação teste onde a categoria receberia a mais pelo acréscimo funcional.

Presente na reunião, Shirley Morales, presidente do SEESE, destacou a insatisfação por parte da classe trabalhadora quanto a proposta de ampliação no período de atuação profissional na qual passaria de 30 para 36 horas semanais. Minutos antes de iniciar a reunião o sindicato foi informado pelo diretor José Carlos Pinheiro que a proposta da gestão na maternidade é cultivar o bom relacionamento entre ambas as partes. “Fomos atendidos muito bem pelo diretor e por todos que trabalham na maternidade. Foi dito que existem alguns problemas na unidade, mas que eles não serão resolvidos com o aumento nas horas de trabalho”, destacou.

Na tentativa de garantir os direitos constitucionais dos servidores a direção do SEESE havia entrado com um pedido de ação judicial junto ao Ministério Público do Trabalho (MPT) contra o Santa Isabel, mas diante dos avanços registrados no dialogo ela pode ser declinada. Ainda de acordo com Shirley, é de fundamental importância que outras unidades de saúde adotem uma postura semelhante ao do Santa Isabel. “A reunião foi muito positiva depois que destacamos o não entendimento quanto ao aumento da carga horária de trabalho sem nenhum tipo de reajuste no benefício salarial. Durante o debate foi dito que esse aumento no trabalho, ou seja, a reclamação dos enfermeiros não mais irá ocorrer”, pontuou a presidente.

Todos os itens debatidos no encontro serão devidamente apresentados aos enfermeiros do Santa Isabel durante assembleia geral que está prevista para ocorrer nos próximos dias. Já no dia 11 de dezembro a direção da maternidade e o Sindicato dos Enfermeiros voltam a se reunir com o propósito, também, de já discutir qualificações operacionais e trabalhistas para o ano de 2016.

 

e71f5379d6074de6aad48df8036ab9d7